“A política está mudando,e o reflexo disso foram às eleições de 2020”,disse a Prefeita Marianna Almeida ao fazer um balanço da gestão em Pau dos Ferros/RN

“A política está mudando, e o reflexo disso foram às eleições de 2020”, a declaração bem contundente é da primeira mulher eleita prefeita de Pau dos Ferros, Marianna Almeida.

A cidade, de grande importância econômica, política e educacional do Alto Oeste potiguar, tem visto a gestão da jovem advogada com olhos voltados para novas histórias.

De sua carreira promissora na política, a filha da psicóloga Maria Betânia e do corretor de imóveis Felipe, a neta de Saturno e Dona Maura, tem feito neste segundo ano de sua gestão um olhar mais atento voltado para uma participação mais humanizada em termos de gestão para com a população mais necessitada.

Enormes desafios ela enumera no primeiro ano de gestão e a superação para que possa desburocratizar a gestão pública, fazendo com que o município de Pau dos Ferros, principal cidade para uma região que engloba mais de quarenta cidades em seu entorno.

Para falar dos avanços, conquistas e de obras estruturantes, além de uma das principais metas da gestão da prefeita Marianna Almeida, ela concedeu uma entrevista exclusiva à revista digital Mais Abellhudo e fala da busca pela atração de empresas e indústrias para ampliar o leque de opções de produtos e serviços, fazendo com que sejam gerados mais empregos e renda e, consequentemente, beneficiando a cadeia produtiva da cidade de Pau dos Ferros. Por Salomão Medeiros Fotos: André Mendes

A jovem Marianna Almeida foi a primeira mulher eleita Prefeita de Pau dos Ferros, uma cidade de grande importância política, econômica e de representatividade no Rio Grande do Norte

Mais Abellhudo: O resultado eleitoral das eleições do ano 2020 mostrou-se uma grande revelação quando a senhora foi eleita a primeira mulher prefeita de Pau dos Ferros. Em mais de um ano de administração, a prefeita Marianna Almeida tem correspondido aos anseios da população? O que de inovador a senhora apresentou?

Prefeita Marianna Almeida:Olha,Salomão. Pra mim foi uma honra a realização de um sonho: ser eleita prefeita de Pau dos Ferros. Aliás, a primeira mulher eleita pela vontade da maioria dos pau-ferrenses. Quanto à pergunta, confesso que o primeiro ano de gestão foi bastante difícil. Eu e minha equipe passamos por inúmeros momentos delicados, pois tivemos que arrumar a casa. Não sei se você sabe, mas a gente pegou a Prefeitura de Pau dos Ferros sem nenhuma informação, pois a transição praticamente não existiu. 

Isso foi muito ruim, pois a estávamos trabalhando às cegas, sem saber e sem conhecer a realidade, de fato, da situação financeira do nosso município. Mas com muito zelo, dedicação e, acima de tudo, compromisso com a nossa gente, eu e minha equipe fomos caminhando aos poucos, descobrindo gargalos em determinados cantos e sempre buscando a resolução mais rápida.

E, sim, a partir disso, creio que conseguimos (e estamos ainda) corresponder aos anseios da população de Pau dos Ferros. Sobretudo, pelo fato de termos implantado algo jamais visto nessa cidade: uma gestão humana, que coloca o povo como o centro, como prioridade. E é isso que eu trago de mais inovador, pois foi para isso que fui eleita, para dar dignidade a nossa gente, que há tanto tempo vinha sofrendo.

Mais Abellhudo: No ano de 2020 somente 37 mulheres foram eleitas prefeitas em todo o Estado do Rio Grande do Norte. Houve uma redução para o Executivo. A senhora é representante do Movimento Mulheres Municipalistas, pela FEMURN, em âmbito nacional, e tem uma atuação em Brasília a cada trimestre. Como tem sido realizado esse trabalho pela senhora em Brasília e quais devem ter sido os fatores que possam ter levado a essa queda no número de mulheres prefeitas?

Prefeita Marianna Almeida: Sabemos que o nosso país tem enraizado um machismo muito forte. É tanto que tudo o que as mulheres hoje possuem na política foi conquistas que vieram por meio da luta de milhares de mulheres. E, infelizmente, isso ainda é muito presente na nossa sociedade.

Existe uma ideia de que nós não somos capazes, mas eu estou aqui para provar e mostrar o contrário. Podemos e devemos, sim, estar na política e em todos os lugares, pois temos capacidade para isso. Não entramos na política para brincar, mas sim, para mostrar como se faz gestão com compromisso, responsabilidade e sempre buscando o certo. E eu encaro a minha participação no Movimento Mulheres Municipalistas uma grande responsabilidade, pois é nosso dever mostrar para as mulheres do nosso Estado e do país que nós podemos, que devemos, sim, lutar por aquilo que acreditamos.

“Não entramos na política para brincar, mas sim, para mostrar como se faz gestão com compromisso, responsabilidade e sempre buscando o certo”, enfatizou a Prefeita de Pau dos Ferros, Marianna Almeida

Por isso, Salomão, que eu, constantemente, peço discernimento a Deus para que eu saiba corresponder a essas responsabilidades, pois não é fácil agir de forma correta em um meio que pressiona. E eu preciso continuar fazendo o certo, primeiro pelo fato de eu não querer, jamais, fugir da minha essência. E segundo por eu ter sob minha responsabilidade o dever de encorajar mulheres por esse país.

Mais Abellhudo: Em se tratando de gestão e da participação feminina, quando pela primeira vez uma mulher é gestora de uma cidade polo, a exemplo de Pau dos Ferros. A sociedade pau-ferrense está mudando! E essa jovem mulher que veio a ser eleita prefeita quando quebrou paradigmas por não ser de família política “tradicional” foi um recado para todas as classes sociais?

Prefeita Marianna Almeida: Sim, não tenha dúvidas disso. A política está mudando, e o reflexo disso foram as eleições de 2020. O nosso povo estava cansado de oligarquias e precisava eleger alguém em que eles confiassem e que pudesse fazer a diferença. E eu acho que o mais lindo disso tudo é que essa expressividade das urnas mostrou, não só para Pau dos Ferros, mas para toda a região e Estado, que se você tem o sonho de lutar por um mundo mais justo e igualitário, você pode e você consegue, independentemente de ser de uma família tradicional ou de ser uma pessoa simples e humilde, muita das vezes desconhecida. E eu era assim, muita gente não me conhecia.

E isso foi o maior desafio da nossa eleição, fazer com que eu chegasse às casas das pessoas em um período de pandemia, para que elas me conhecessem e pudessem acreditar que aquela mulher, que não vinha de uma família política, poderia mudar os rumos da principal cidade de uma região. E graças a Deus que o povo acreditou e confiou, e eu tenho certeza de que estamos fazendo a gestão que tanto prometemos.

Mais Abellhudo: Vista com bons olhos pela classe política quando a senhora é tida como uma jovem gestora com uma carreira promissora. Há quem diga que a senhora sonha com um voo mais alto na política?

Prefeita Marianna Almeida: Salomão, uma vez um amigo me disse a seguinte frase: “Você tem quatro anos de gestão. Governe e faça tudo o que puder nesses anos, sem pensar em reeleição. Isso vai ser consequência do seu trabalho e da vontade popular”. E eu tenho sempre essa frase comigo. Eu estou prefeita por quatro anos, e assim estarei enquanto o povo de Pau dos Ferros quiser. 

Então, no momento, meu foco é corresponder à responsabilidade do meu cargo de prefeito. E se por acaso algum dia me surgir a missão de embarcar numa nova jornada, se eu estiver pronta e se eu tiver como, de fato, contribuir com esse novo propósito, eu irei aceitar de imediato. Mas, como disse, no momento, meu foco é fazer o bem pelo povo da minha amada cidade.

Mais Abellhudo: Um dos maiores problemas dos gestores é em relação à geração de empregos e renda. Em quase um ano e meio, o que a gestão da prefeita Marianna Almeida fez para que pudesse gerar mais empregos e renda?

Prefeita Marianna Almeida: Temos planejado muita coisa para a geração de emprego e renda. Mas, nesse primeiro ano de gestão, inúmeras articulações já foram feitas com os mais variados setores produtivos da região. Além disso, ofertamos alguns cursos, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, que visa a promover conhecimento a nossa gente e, assim, qualificando-a para o mercado de trabalho.

Em parceria com a SENAR, trouxemos o curso de Zootecnia para Pau dos Ferros, que visa à possibilidade de empregos.

Ademais, em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico do Rio Grande do Norte, estamos articulando a criação de um galpão, com emenda da senadora Zenaide, que irá servir para oficinas de costura para que as nossas mulheres possam produzir e gerar renda.

Ao mesmo tempo, Salomão, estamos conseguindo, por intermédio do DNOCS, a cessão de um terreno, para que lá seja construído um distrito empresarial, fazendo com que a nossa cidade se torne atraente para novos empreendimentos. E é com lutas como essa que, diariamente, estamos buscando formas de promover o melhor para nossa gente. E não tenho dúvidas de que muita coisa boa ainda está por vir quando falamos de geração de emprego e renda.

“Então, sim, queremos realizar uma FINECAP completa, como jamais vista anteriormente, mas sem esquecer o real significado desse evento”,afirmou a jovem Prefeita Marianna Almeida

Mais Abellhudo: Considerado o principal evento que apresenta uma variedade enorme, seja em termos de comércio, negócios e turismo, a Finecap vai ser realizada em 2022? Haverá quais novos produtos e serviços para ser apresentado ao público?

Prefeita Marianna Almeida: A FINECAP é um evento que pertence ao pau-ferrense. Ano passado, mesmo com a pandemia, conseguimos realizar o evento de uma forma totalmente diferente. Conseguimos resgatar a nossa cultura, promovendo a valorização dos nossos artistas locais. Conseguimos dar vida à nossa Getúlio Vargas, local onde surgiu esse evento. E a proposta é darmos continuidade, Salomão. Vamos unir o que existia com o que propomos de novo, e, sem dúvidas, vai ser um evento maior e mais completo, do jeito que a nossa gente merece.

Então, sim, queremos realizar uma FINECAP completa, como jamais vista anteriormente, mas sem esquecer o real significado desse evento. Mas isso depende totalmente de como estaremos em relação à COVID-19. A partir disso, com a realização, iremos fomentar a economia da nossa cidade, pois nós sabemos que nesse período vem gente de todos os cantos. São lojas de roupas, restaurantes e lanchonetes, supermercados… enfim, todo o nosso comércio local sendo movimentado.

Mais Abellhudo: A cidade de Pau dos Ferros vem gradativamente desenvolvendo-se, e como consequência dessa nova realidade, está recebendo novos investimentos por parte da iniciativa privada. Quando a senhora foi candidata ao cargo de prefeito, o que foi apresentado para a atração de investimentos? E quais os resultados já obtidos na sua gestão?

Prefeita Marianna Almeida: Como falei na pergunta que me fez sobre geração de emprego e renda, estamos, diariamente, procurando formas de promover resultados quanto a essa temática. E inúmeros resultados positivos já foram obtidos.

A meta é conseguir bem mais. Porém, além do que já mencionei, algo importante a ser destacado é que estamos em constante diálogo com a Secretaria de Tributação do município e com investidores, para que consigamos trazer grandes empresas que possam promover empregabilidade, como a Rede de Supermercado SuperQ, empresas de tecnologias, parcerias com a Brisanet e outros. Então, Salomão, é continuar nessa pegada, sempre aberta ao diálogo com os mais variados setores. É assim que se faz gestão. E é assim que vamos conseguir fazer o melhor pela nossa gente.

Mais Abellhudo: No segundo ano de gestão em Pau dos Ferros, entre os resultados de como a senhora está administrando, além de ofertar os serviços essenciais com maior acolhimento, participando ativamente e presente no corpo a corpo com o povo.

Qual a concepção que a senhora teve do primeiro ano e que possa reavaliar neste segundo ano para que possa melhorar nas questões de ter políticas públicas mais abrangentes para beneficiar um maior número de camadas sociais?

Prefeita Marianna Almeida: Como disse, Salomão, o primeiro ano foi de conhecimento de como estava a situação da Prefeitura. Serviu para que eu e a minha equipe pudéssemos analisar o que tinha e o que não tinha, para que, aos poucos, a casa fosse sendo organizada.

E acho que fizemos isso muito bem e com muito compromisso. Isso é reflexo dos nossos serviços. Por exemplo, as nossas Unidades de Saúde da Família estão muito mais abastecidas, com equipes completas. Conseguimos ampliar de 12 equipes existentes para 14. 

Estamos construindo uma unidade, e com recurso para construção de mais duas. Outro fato inédito é que, pela primeira vez, as nossas unidades estão ofertando a aplicação de injetáveis. Antes, era preciso o paciente se deslocar até o regional para ter esse serviço. Em breve, estaremos inaugurando o Centro de Especialidades Médicas, proporcionando atendimentos com especialistas e oferta de exames.

Na educação, todas as nossas escolas receberam reformas, desde a mais simples à mais completa, o que mostra o nosso compromisso com a educação das nossas crianças. Estamos com recursos para construirmos mais dois CMEIS. Estamos garantindo o pagamento do piso salarial do magistério. Isso tudo fortalece e promove uma qualidade nos serviços.

Mais Abellhudo: De todas as áreas da gestão, é notória a percepção de que a senhora tem tido todo um carinho com os programas de cunho social mais direcionados ao povo humilde.

Esse afeto que a senhora recebe nesses eventos é o resultado de uma gestão voltada mais para esse povo?

Prefeita Marianna Almeida: Salomão, eu sempre fui muito verdadeira comigo e com as pessoas que confiaram e que continuam confiando em mim. Desde a nossa vitória, eu escolhi criteriosamente as pessoas que iriam compor os cargos da gestão “Valorizando nossa gente”.

E o mais importante, eu quem escolhi o slogan da nossa gestão, para que não só eu, mas todos que estão comigo se lembrem, diariamente, que a gente está aqui para fazer a diferença.

Então, eu justifico esse afeto que recebo na verdade e na sinceridade que eu passo para a nossa gente. Justifico, sobretudo, ao excelente trabalho que nossa equipe vem fazendo. O nosso povo não estava acostumado a ser tratado como gente, como eles merecem, e nós estamos fazendo isso. Dessa forma, o afeto é a gratidão que recebemos por estar fazendo o correto.

Mais Abellhudo: A gestão municipal de Pau dos Ferros, liderada pela prefeita Marianna Almeida, está conseguindo avançar, e a cidade está tendo bons resultados.

Nesse restante de meses para fechar 2022, a senhora tem pesquisas sobre sua gestão? O que está em planejamento para fechar com chave de ouro? Obras a serem inauguradas ou a ser lançadas?

Prefeita Marianna Almeida: Salomão, todo o nosso planejamento enquanto gestão está pautado em números. Sempre ouvindo e dialogando com nossa gente para que saibamos as reais necessidades. Sempre procuramos ações assertivas. Outra forma de conhecimento, que promove proximidade, é a realização do Valorizando Nosso Bairro, em que os principais serviços vão aos bairros junto do Gabinete.

Quanto às obras estruturantes, estamos planejando a pavimentação asfáltica de algumas importantes ruas e avenidas para o nosso município. Além da entrega de obras que há muito tempo estavam paradas, como a entrega da urbanização da orla da 25 de março, o ginásio da Nações Unidas, o Abatedouro público municipal e outras. É, sem dúvidas, um ano que promete muitos acontecimentos. E eu tenho certeza de que esses irão promover cada vez mais o desenvolvimento, por conseguinte, melhorias para nossa cidade, para o nosso povo.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Start typing and press Enter to search